A era do CMMS acabou.

 

Ao entrarmos numa nova década (vamos ignorar 2020 por razões óbvias, ok?), é importante reconhecer que os bons velhos Sistemas de Gestão de Manutenção Computadorizados já não estão à altura da crescente complexidade das indústrias de manutenção e gestão de instalações.

 

Desde o início dos anos 2000 (quando vieram salvar-nos das confusas folhas de Excel) até meados da década passada, os CMMSs eram a melhor e mais avançada solução que havia – deram às equipas de manutenção a capacidade de armazenar e centralizar toda a informação, gerir pedidos e planos de manutenção, e tornaram possível uma comunicação mais eficiente.

 

Hoje em dia, o CMMS é o novo Excel. Assim como quando compara os edifícios e operações técnicas dos anos 80 com os dos anos 2000, não pode esperar que as infraestruturas e operações modernas sejam bem servidas com a tecnologia dos anos 2000. Os edifícios são cada vez mais sofisticados, as normas nacionais e internacionais mais estritas, e os clientes esperam no mínimo um serviço de excelência.

 

É aqui que entram as Plataformas Inteligentes de Gestão de Manutenção (IMMP – do inglês Intelligent Maintenance Management Platforms).

 

O que é uma Plataforma Inteligente de Gestão de Manutenção?

Uma IMMP é um ecossistema flexível e inteligente de aplicações e hardware completamente conectados, que faz com que toda a sua operação de manutenção – pessoas, edifícios, ativos, software, hardware IoT (Internet das Coisas) – comunique e trabalhe em conjunto. Assim sendo, pode aproveitar (melhor) os dados para automatizar tarefas e fazer previsões inteligentes que poupam tempo, e possibilita todo o tipo de operações de manutenção para os próximos 10 anos.

 

Ainda está confuso? Vamos passar às diferenças entre uma Plataforma Inteligente de Gestão de Manutenção e um CMMS.

 

IMMP vs CMMS. Quais são as diferenças?

 

Uma Plataforma Inteligente de Gestão de Manutenção (como a Infraspeak) tem duas diferenças em relação a um CMMS: (1) a sua categoria de “plataforma”, e (2) a sua inteligência.

 

1. Mais que um software, uma plataforma.

Plataformas Inteligentes de Gestão de Manutenção são plataformas (surpresa!) desde a conceção – são criadas para ser todo um ecossistema de recursos (software e hardware) que ajudam os gestores de manutenção a otimizar as suas operações através de uma flexibilidade, inteligência, e conectividade excecionais. 

 

A funcionalidade de um CMMS é dada pelo seu conjunto de características, que podem ser mais ou menos atrativas dependendo do software e da sua operação. No entanto, uma IMMP tem a capacidade para se conectar e integrar totalmente com ferramentas e recursos externos que as suas equipas de manutenção necessitam para trabalhar de uma forma mais simples e inteligente.

 

Para além de uma multiplicidade de apps nativas, uma Plataforma Inteligente de Gestão de Manutenção consegue integrar-se perfeitamente com software externo — como ERP, CRM, programas de faturação e até software personalizado —, e ainda com hardware como etiquetas NFC, sensores, e todo o tipo de IoT.

 

2. Inteligência e automação

Enquanto a característica principal de um CMMS é centralizar informação e gerir tarefas, uma IMMP vai mais longe. Tira proveito de todos os dados para automatizar tarefas e fornecer sugestões inteligentes, previsões e ideias que permitem poupar tempo.

 

Sempre que ligar uma nova app à sua IMMP, toda a plataforma é melhora. As apps que já estejam ligadas ganham novos recursos para que todo o sistema esteja completamente integrado, e os registos ganham novas informações e funcionalidades.

 

Por exemplo, assim que ligar a app de Gestão de Stock da Infraspeak pode adicionar materiais a trabalhos programados diretamente na app de manutenção preventiva. Se ligar a app de consumo de edifícios ou a app de vendas, vai ter novos indicadores na app análise, que podem depois ser vistos na app Dashboard.

 

Tudo isto torna as Plataformas Inteligentes de Gestão de Manutenção extremamente flexíveis, pois permitem a ligação a qualquer ferramenta que se adapte às necessidades da sua equipa ou operação.

 

Isto significa que uma IMMP pode evoluir com a sua empresa ao longo do tempo. Nos próximos 10 anos não precisa de mudar para outra solução porque a complexidade da sua operação aumentou, e não perderá nenhuma informação recolhida até agora. Precisa de mais coisas? Só tem de conectar mais coisas e integrar outras.

 

Quais são as vantagens e desvantagens de IMMPs?

 

No que toca a funcionalidade, não há praticamente desvantagens numa IMMP em comparação com um CMMS. As Plataformas Inteligentes de Gestão de Manutenção são o próximo passo na tecnologia de gestão de manutenção, por isso não há nada que um CMMS consiga fazer que uma destas plataformas não consiga também.

 

No entanto, este aumento de inteligência, conectividade e flexibilidade tem um preço. Naturalmente, um sistema mais avançado implica um maior investimento inicial. Portanto, se gere uma pequena equipa e operação, talvez queira manter um CMMS.

 

Contudo, um dos principais erros cometidos por gestores de manutenção e edifícios é considerar este tipo de tecnologia como um custo e não como um investimento. A longo prazo, quanto melhor for a solução de gestão, melhor vão ser as sugestões apresentadas. E quanto melhores as sugestões, mais bem sucedida será a operação, e mais dinheiro acabará por poupar.

 

Por outro lado, o aumento de funcionalidade de uma IMMP significa muito mais centralização, melhor desempenho, melhores dados e, em última análise, menos dinheiro gasto.

 

Então… Deve investir numa Plataforma Inteligente de Gestão de Manutenção?

 

Gere grandes infraestruturas e instalações? É um prestador de serviços de manutenção com vários clientes e ativos para gerir? Tem a obrigação de cumprir SLAs, assim como normas de qualidade, segurança e higiene? Se a resposta a qualquer destas questões for “sim”, então deve definitivamente considerar as IMMPs.

 

Se tem uma empresa mais pequena e menos ambiciosa, um CMMS comum é provavelmente suficiente para si. Isto é especialmente verdade se não está a ter problemas com a tomada de decisões informadas, comunicação de equipa ou custos de avarias.

 

Curioso?

Saiba como a Plataforma Inteligente de Gestão de Manutenção da Infraspeak o vai ajudar hoje a transformar a sua operação. Agende uma conversa com um dos nossos especialistas!