Não é a questão do milhão de dólares, mas quase — como é que a sua empresa ou hotel pode reduzir os custos de manutenção? Muitas empresas deparam-se com custos de manutenção tão elevados que eliminam uma boa parte da margem de lucro, o que, por sua vez, impede o negócio de prosperar. Para que esse não seja o seu caso, reunimos 5 métodos que o vão ajudar a reduzir os custos de manutenção a curto e longo prazo.

1. Prevenir avarias

De forma não muito surpreendente, a melhor forma de reduzir os custos de manutenção é prevenir as avarias. Não só porque reparar equipamentos avariados tem um custo elevado, mas também porque as avarias obrigam a parar ou a diminuir a produção ou a atividade da empresa. Mas como prevenir as avarias? Sem dúvida que para isso é necessário investir numa boa política de manutenção preventiva e, idealmente, num sistema de gestão de manutenção computadorizado (CMMS) capaz de agendar, rastrear e rever todas as operações técnicas.

2. Controlar e gerir o inventário

Se o seu tempo médio de reparação é demasiado elevado, um dos motivos pode ser exatamente porque tem poucas peças de substituição em stock. Uma das possíveis resoluções para este problema é tentar que o seu equipamento seja todo semelhante/das mesmas marcas, de forma a que o mesmo tipo de peças sirva para a maioria das peças, as reparações sejam mais rápidas e o apoio técnico externo seja mais fácil de obter. A nível de custos, encomendar peças em quantidade significa que pode obter preços mais competitivos, por isso é só somar vantagens.

3. Treine a sua equipa

Outro dos segredos para reduzir os custos de manutenção é treinar a sua equipa — e não falamos só da equipa de manutenção, mas de todo o pessoal. Se os seus funcionários estiverem preparados para detetar problemas e para troubleshooting, isso significa que as avarias são detetadas muito mais depressa (tempo é dinheiro, afinal de contas). De certeza que acabará por evitar reparações mais demoradas e dispendiosas.

4. Escolha a tecnologia certa

O seu telemóvel pode comportar-se de maneira estranha de vez em quando e o computador volta “miraculosamente” a trabalhar depois de reiniciar. Mas, mesmo tendo em conta estes percalços, a tecnologia é uma mais-valia para o seu negócio. Já imaginou (ou, pior, experimentou) analisar todas as operações de manutenção uma a uma e fazer relatórios a papel e caneta? Usar um CMMS que possa personalizar consoante as suas necessidades vai agilizar a gestão de manutenção e poupar-lhe tempo. Não é preciso repetir o velho adágio, pois não?

5. Estenda o período de garantia/seguros

Não há nada (nem ninguém) infalível. Por isso, é uma boa opção estender a garantia ou segurar os equipamentos essenciais e mais dispendiosos para o seu negócio. Isto pode significar uma poupança nos custos de manutenção, prevenindo custos de reparação elevados e difíceis de comportar. Em alguns casos, pode até justificar-se segurar algumas componentes específicas — fale com o técnico responsável para decidir qual é a política mais indicada para os seus equipamentos.