Durante anos, a manutenção em hotéis foi vista como um “mal necessário”. Se tratava de uma manutenção maioritariamente corretiva, que só entrava em cena quando alguma coisa estava estragada. Pequenos consertos em paredes de gesso, pintura de paredes manchadas por rodas de malas, substituição de TVs estragadas e toalheiros, conserto de vazamentos de água e desentupimento de banheiros. No entanto, ter uma atitude reativa com todos os equipamentos do seu hotel pode sair caro. É aqui que entra a manutenção preventiva para hotéis.

 

Quando falamos em hotelaria, a manutenção preventiva tem várias vantagens. A primeira é oferecer mais segurança a todos os que usam o hotel, já que previne surtos de doença dos legionários e outros problemas de saúde pública. A segunda é proporcionar uma estadia mais agradável aos seus hóspedes, já que diminui consideravelmente as paradas não programadas. A terceira é que os equipamentos têm uma vida útil mais longa, o que proporciona um retorno sobre o investimento superior.   

 

A perspectiva de mais segurança, melhor qualidade de serviço e economias em manutenção devem ser o suficiente para aguçar o seu interesse na manutenção preventiva para hotéis. Mas como?

 

As equipes de manutenção, que incluem engenheiros, eletricistas, canalizadores, carpinteiros, jardineiros, equipe de limpeza e técnicos polivalentes de manutenção, correspondem a uma porcentagem relativamente pequena de funcionários. Muitos hotéis recorrem ao outsourcing para a manutenção de elevadores, aparelhos AVAC e piscinas, por exemplo. O que não significa que não seja necessário ter um programa geral de manutenção, com algumas atividades de monitoramento sob responsabilidade da sua equipe interna.

 

Comece fazendo um levantamento dos equipamentos que precisam de manutenção preventiva. Depois, planeje a manutenção mais profunda para a baixa temporada, para não atrapalhar o funcionamento normal do hotel. Por fim, determine para quais serviços você precisa contratar outra empresa e quais serão executados pela sua equipe. Nós te ajudamos! Preparamos um checklist de manutenção para hotéis para que consiga:

 

  • planejar melhor as suas atividades de manutenção; 
  • ajudar a sua equipe de manutenção a cumprir todas as tarefas essenciais no dia a dia;
  • avaliar as atividades que devem ser executadas com fornecedores externos. 

 

Checklist de Manutenção Preventiva Para Hotéis

 

O checklist inclui uma lista de tarefas de manutenção preventiva de hotéis para os seguintes equipamentos: 

 

  • Elevadores sociais e de carga
  • Unidades de tratamento de ar
  • Torres de arrefecimento
  • Chillers
  • Caldeiras
  • Cozinhas industriais
  • Instalação elétrica
  • Geradores
  • Lavanderia industrial
  • Pontos de água e canalização
  • Piscinas e spas
  • Academias 
  • Painéis solares
  • Sistema de hidrantes contra incêndio e outros serviços de segurança
  • Jardins e exteriores
  • E ainda tarefas preventivas para proporcionar maior conforto aos seus hóspedes.

 

Damos uma sugestão da frequência com que cada tarefa deve ser executada. E, ainda, algumas dicas extra de manutenção preditiva para hotéis. Se tem algum equipamento AVAC que não citamos nesta lista, não se esqueça que pode consultar também o nosso Checklist para Manutenção AVAC

 

Baixe o Checklist de Manutenção Preventiva para Hotéis aqui.