Aumentar a sustentabilidade é um dos maiores desafios para os negócios a retalho em 2019. A verdade é que prestamos cada vez mais atenção ao que compramos e de onde vem – não é por acaso que há cada vez mais pessoas a optar por uma dieta vegana ou que movimentos como o “zero waste” estão a ganhar fôlego. Mas não olhe para a sustentabilidade apenas como uma forma de agradar aos seus clientes! O mundo é de todos e há muito que pode fazer para cuidar dele, começando por reduzir o lixo que produz na sua empresa.

  1. Eliminar o papel

Um dos maiores atentados do retalho contra o meio-ambiente é o uso exagerado do papel. Desde os recibos aos talões de pagamento por Multibanco, notas de encomenda ou notas de crédito, dizer que existe uma dependência do papel nas empresas não é um exagero. Portanto, uma das melhores formas de tornar os negócios a retalho mais sustentável é reduzir o consumo de papel. Comece por enviar as faturas por email aos seus clientes em vez de imprimir vários duplicados. Não só começa a evitar o abate de mais árvores, como reduz a produção de lixo: win-win

  1. Não use cupões ou cartões desnecessários

Quando falamos em eliminar papel, não nos podemos esquecer dos cupões para descontos e promoções! Os cartões de cliente em plástico (PVC) também podem ser substituídos por cartões de bioplástico ou plástico reciclado. Aliás, até é possível evitar os cartões se começar a identificar os seus clientes através de um número fácil de memorizar, como o número de telemóvel ou o NIF. Mas o melhor seria unir todos os programas de fidelização e cartões numa só aplicação de smartphone – é mais fácil para os seus clientes e o planeta agradece. 

  1. Melhore o processo de produção 

A sustentabilidade no retalho começa no momento de produção. Se tem poder de decisão no processo de produção, tente reduzir o consumo de água e energia ao longo de todas as etapas. Tenta que a produção seja tão próxima do ponto de venda quanto possível e que o transporte de mercadorias deve ser otimizado. Quanto aos custos, lembre-se que os consumidores estão dispostos a pagar mais por produtos fabricados com preocupações ambientais e, a nível global, 93% diz-se preocupado com o impacto ecológico dos produtos que compra.

  1. Aumente o consumo de energia limpa

A maneira mais fácil de diminuir o consumo de energia nas lojas a retalho é começar a usar luzes económicas LED. Outra medida que pode adotar é instalar sensores de movimento para ligar e desligar as luzes de casas de banho, provadores e zonas fechadas. Desligue automaticamente as luzes da montra a uma certa hora e defina um horário para ligar e desligar o aquecimento/ar-condicionado. Se usa água quente para os banhos dos funcionários, pode tentar aquecê-la com painéis solares.

  1. Reaproveite materiais antigos

Antes de pensar em “reciclar”, lembre-se de reduzir e reutilizar. Reaproveite as embalagens em que chegam os produtos e peça aos seus clientes para reutilizar os sacos da loja (preferencialmente em tecido ou em serapilheira). Em vez de deitar fora artigos com defeito ou que não venderam, procure organizações que possam estar interessadas em fazer upcycle ou em usar esses “restos”. Por exemplo, os restos de tecido podem ser aproveitados para limpeza ou em obras de construção civil em vez de acabarem no aterro.