O stress ocupacional é um problema crescente na gestão de infraestruturas e de manutenção, bem como em muitas outras indústrias — seria mais fácil listar todos os setores para os quais o stress não é um problema, do que o oposto. É frequentemente associado a problemas se saúde como hipertensão, depressão, problemas cardíacos, ou até mesmo perda de memória, o que não é ideal para a performance de um gestor.

Um local de trabalho sem stress é, portanto, essencial para manter o bem-estar físico e psicológico, bem como para melhorar a performance de toda a equipa. Mas o que é que pode fazer para o conseguir?

Primeiro, temos de falar sobre as causas prováveis de stress no seu local de trabalho:

  • Excesso de trabalho — o primeiro fator que vem à cabeça é o excesso de trabalho, normalmente resultante de má alocação de trabalho pela equipa, ou o uso de ferramentas ou métodos de trabalho inadequados;
  • Má comunicação — quando a comunicação entre gestores, técnicos, empreiteiros e clientes (ou quaisquer outros envolvidos num dado projeto, na verdade!) não é clara e consistente, o stress não demora a aparecer;
  • Falta de descanso — não é raro para os gestores atender chamadas ou planear calendários depois das horas normais de trabalho, ou nos fins-de-semana, o que significa que, na verdade, estão sempre a trabalhar, mesmo quando não deviam.
  • Muitas outras coisas — pressão, multitasking, negatividade no local de trabalho, um escritório monótono… Há tanta coisa que lhe pode causar stress, que precisávamos de escrever um ebook inteiro, com anexos, para listar todas as causas possíveis.

Então, como expulsar o stress do seu local de trabalho? Aqui seguem as nossas 10 dicas:

1. Descanse o suficiente

Pausas regulares no trabalho durante o dia, bem como assegurar-se de que dorme o suficiente — mas não demasiado! — todas as noites, farão milagres para a sua saúde física e mental. Se todos chegarem ao trabalho bem descansados, serão mais produtivos e estarão mais satisfeitos.

2. Melhore a comunicação

Tal como dissemos antes, má comunicação é uma das melhores maneiras de assegurar que toda a gente respira stress, se for esse o seu objetivo.

Se não for, é importante que todos trabalhem no sentido de simplificar a forma como a equipa comunica e para otimizar a cadeia de comunicação. Ter um Sistema de Gestão de Manutenção Computadorizado (CMMS) com aplicações móveis integradas melhorará significativamente a comunicação — tanto em termos de qualidade, como de tempo — entre gestores e técnicos.

3. Faça exercício

Não é específico para stress ocupacional, pois aplicável a todo o tipo de stress no geral, mas manter hábitos saudáveis a nível de exercício físico e alimentação — o que pode ser um desafio para quem almoça no local de trabalho — é importante para minimizar os efeitos de um local de trabalho potencialmente stressante.

4. Evite negatividade e a “Cadeia de Gritos”

O seu local de trabalho é daqueles em que o CEO grita com o gestor, o gestor grita com o assistente, o assistente grita com os técnicos e os técnicos gritam entre eles, ou com o cão (que só não grita porque não pode)?

Esta “Cadeia de Gritos” — uma teoria proposta na sitcom How I Met Your Mother —, ou qualquer coisa que se assemelhe a ela, mesmo que vagamente, é extremamente perigosa para a saúde mental dos funcionários e deve ser evitada para reduzir os níveis de stress.

5. Automatize os planos de manutenção

Mais uma vez, ter um CMMS para automatizar planos de manutenção — entre outras coisas, como requisições de trabalhos e relatórios — reduz significativamente a carga de trabalho dos gestores, o que lhes permite seguir a nossa dica número 1 — descansar suficientemente.

Agendar planos de manutenção preventiva antecipadamente, por exemplo, reduz o número de avarias inesperadas em equipamento importante, deixando toda a equipa mais descansada.

6. Torne o seu local de trabalho agradável

Acredite ou não, grande parte do stress é causado pela monotonia e falta de vida dos escritórios. É importante que os funcionários se sintam confortáveis no local de trabalho. Por isso, faça com que ele seja agradável e certifique-se que a qualidade do ar interior é ótima. Isto ajuda toda a equipa a sentir-se mais calma e concentrada.

7. Permita flexibilidade

Horários ou calendários que são 100% fixos, sem flexibilidade para situações inesperadas, aumentam os níveis de stress dos funcionários significativamente. Um ambiente de trabalho adaptável fará com que todos se sintam mais empenhados no trabalho, em vez de o temerem.

8. Faça boa alocação de trabalhos

Tal como também mencionámos acima, cargas de trabalho excessivas são das principais causas de stress. Boa alocação de trabalhos pela equipa é essencial e, mais uma vez, um sistema de gestão de manutenção é provavelmente a sua melhor aposta.

Um CMMS permite que os gestores tenham melhor noção do trabalho atribuído a cada técnico, evitando situações em que um funcionário trabalha por dois, enquanto outros não têm muito o que fazer.

9. Reconheça e recompense bom trabalho

Em vez de se limitar a criticar erros e de tratar o bom trabalho como algo padrão, porque não mostrar apreço pelo esforço e o bom trabalho dos membros da equipa? Recompensas, como, por exemplo, reconhecimento público em reuniões, são uma boa forma de manter todos motivados e menos stressados, desde que isso não se transforme numa competição — nesse caso, o resultado será provavelmente o oposto.

10. Divirta-se!

Colegas de equipa que interagem socialmente trabalham melhor juntos. Crie tradições no local de trabalho, organize iniciativas de convívio, celebre datas importantes. Diversão no trabalho é uma das melhores formas de aumentar a motivação e a felicidade dos funcionários, reduzindo o stress para toda a gente.